Corrente de Reviews – Panty & Stocking With Garterbelt

Calma, não é uma sessão nova no Chuva de Nanquim!

Pant & Stocking With Garterbelt foi um dos últimos projetos “originais” do Gainax. A intenção era ter um projeto que fosse a cara do mesmo: ousado e engajado. E eles conseguiram, na opinião de muitos. Alguns consideram tal anime como o mais polêmico de 2010 devido ao seu alto teor de conteúdo “sujo”, além de com certeza ser um dos mais originais pelo seu visual. Mas vamos comentar mais pela frente, afinal o objetivo desse review é mostrar justamente “o outro lado” da série.

Já sei que vou tomar muita pedrada do pessoal que adora esse anime (lembrando que ele foi um dos mais elogiados pelo fandom mundo afora). Agora vocês podem se juntar à alguns fãs de Berserk que me xingaram por causa do primeiro filme da série. Realmente gostaria de ter tido uma resenha positiva para vocês. Eu me lembrava muito bem que eu já tinha assistido os primeiros episódios na temporada em que o anime foi lançado mas não me lembrava o porquê que havia dropado… Bem, agora eu me lembro.

A história

Há uma cidade que fica localizada na falha que separa o céu e o inferno, a cidade de Daten. Os seus habitantes precisam viver sob constante ameaça de ataques dos espíritos malignos e contam com a proteção de apenas duas anjas que foram expulsas do paraíso por mau comportamento. Elas são Panty, uma mulher que só pensa em sexo, e Stocking, que consegue apenas se preocupar com os seus doces. As duas precisam lutar contra os mais variados tipos de monstros para conseguir conquistar de volta o seu lugar no Céu e para isso elas terão a ajuda do estranho Garterbelt (sim, ele existe) e do estranho bichinho Chuck.

Considerações Técnicas

Logo no começo vamos falar de um dos fatores que mais chamaram a atenção nesse anime: você vai acabar recebendo um choque pela animação, que vai se afastar totalmente do traço comum dos animes. Panty & Stocking é totalmente puxado para o estilo de arte cartoon, com apenas alguns momentos em que a animação tradicional japonesa retorna (e com uma qualidade maravilhosa, diga-se de passagem). E não se engane, isso não é nem perto de um ponto fraco. Toda essa parte é muito bem feita e lembra a “era de ouro” do Cartoon Network, lembrando muito Meninas Super Poderosas, Laboratório de Dexter e outras pérolas do estúdio dos Cartoon Cartoons. A escolha foi feita mais para amenizar um pouco o tom pesado das piadinhas… mas isso eu vou falar mais pra frente.

O outro grande destaque é a trilha sonora, totalmente estilosa e combinando com os momentos certos. A minha preferida ainda é a música na hora da transformação das duas protagonistas, que misturada com uma animação incrível tornam a cena sexy na medida certa. Infelizmente só isso me agradou no anime. Mesmo contando com a direção de Hiroyuki Imaishi – consagrado por um dos melhores animes dos últimos anos (Tengen Toppa Gurren Lagann) – e com um afiado e ótimo nível de animação, isso não foi o suficiente para me “apegar” pela história das duas garotinhas viciadas em comportamentos não-normais.

Você está procurando uma história sofisticada, com personagens bem trabalhados, plots profundos e que entram fundo no psicológico humano? Ou apenas uma série de comédia com um humor refinado? Esquece, Panty & Stocking é um daquelas comédias que vão usar um humor baixo para tentar te atingir ou agredir, como particularmente senti em meu caso. Sabia que eu iria ser atingido com isso, e mesmo indo “de mente aberta” para a série, sem esperar nenhum tipo de comédia “inteligente”, não consegui entrar no clima para conseguir achar graça de qualquer piadinha escatológica.

Você pode perceber o nível das piadas com o primeiro episódio, onde temos um monstro gigante feito de coco e depois disso ainda temos um feito de vômito, outro de meleca e assim vai indo. Os 20 minutos de cada episódio são divido em duas histórias diferentes, como se fossem 2 episódios de 10 minutos e neles você vão sempre ver: Pelo menos uma piadinha sexual, uma piadinha escatológica e um monstro para elas enfrentarem. Uma coisa legal que o anime possui era que ao derrotar um inimigo tínhamos um corte para uma espécie de maquete com a figura do monstro e logo depois ele explode, só que vai perdendo a graça com a repetição dessa mesma piadinha no fim de cada episódio.

Mesmo essa sendo a proposta do anime, e tendo sido aceita por grande parte do público, não foi o tipo de comédia que conseguiu atingir em cheio o público alvo “convencional”, tanto que a série acabou passando despercebida pelo fandom nacional (ok, grande parte devido ao traço “americano” e a mania dos brasileiros de desprezarem tais características). Aqui Imaishi não se cansa de explorar o visual agressivo e com um ar “pop” e  dinâmico para dar mais vida aos seus personagens e cenários, que interagem com extrema maestria. O choque de cores, a mudança brusca das personalidades dos personagens são características marcantes da série, que poderia ter oferecido algo muito melhor ao seu final. Tudo o que vemos aqui é uma série que fica atrás de qualquer South Park, Family Guy, American Dad ou até mesmo a era de ouro dos Simpsons. São piadas fracas. Fortes, mas fracas.

O nome das personagens já sugere bem a proposta que a Gainax veio trazer: Panty de “calcinha” e Stocking de “meia-calça”. As personagens já são definidas no primeiro episódio e não se preocupe que sua personalidade não vai mudar nada durante todo o decorrer do anime. Panty vai continuar falando e procurando sexo enquanto sua irmã só vai pensar em doces. Isso nos remete novamente ao começo do texto, quando disse que a série remetia em excesso ao culto pop americano e suas animações. Seria possível fazer uma centena de episódios de Panty & Stocking com a mesma fórmula, com as mesmas piadas, para o mesmo público. E só. Não existe crescimento na série.

Porém aqui devemos deixar claro novamente um fator: o público. Existe um público consumidor para essa série? Sim, mais do que imaginava. Ao fazer uma leve busca pela internet é possível notar que diversas pessoas e fandoms acharam a série “sensacional”, “brilhante” e “digna de 9 ou 10”.  Aparentemente as piadas e situações conseguiram atender a expectativa desse público. Aqui temos uma situação muito próxima do que acontece com humoristas nacionais: o que incomoda alguns, não faz o menor efeito para outros. Em meu caso – e tenho certeza que no de muitas outras pessoas – não entendo e não consegui olhar aquilo e me divertir. Cada episódio era uma tortura e passavam bem devagar, sem conseguir esboçar nenhum sinal de um sorriso.

Dos 13, achei apenas 2 mini episódios interessantes: Um em que os protagonistas são “soldados de esperma” e um episódio com refêrencias a Transformers. Aliás, referências é uma das grandes armas de P&S. Como dito anteriormente, o diretor capricha e abusa de tais elementos pop culturais ocidentais e cria um clima que se encaixa perfeitamente naquilo que se propõe o anime. Bem, ao menos boa parte dos japoneses parecem ter concordado comigo, afinal o anime não fez sucesso no Japão e deu um prejuízo enorme para a Gainax (tá certo que o estúdio já não estava muito bem das pernas), estúdio responsável por Evangelion e Gurren Lagan.

Comentários Gerais

Eu vi o anime querendo gostar, querendo perceber porque todo mundo amava essa animação e acabei saindo apenas agredido pelas piadas de mau gosto. Pra mim, Panty & Stocking acabou caindo naquele problema sobre fazer piadinhas demais sobre sexo, palavrões e escatologia. Em algum momento você pode encarar a série e pensar que ela tem o único intuito de apresentar um repertório mais “adulto”. Mas pra mim parecia que o roteiro girava em torno de meu primo na primeira série e que aquilo tudo pra mim era realmente bobo e muitas vezes vergonhoso. Tirando a parte técnica impecável, é uma série que não cumpriu o que se esperava.

E claro, vamos reforçar: isso é apenas a minha opinião. Vai ver eu to muito velho para isso ou não é meu tipo de comédia. Para isso vocês precisam ir lá e assistir, ou pelo menos procurarem uma outra visão como por exemplo o vídeo dos nossos parceiros do Video Quest! Eles fizeram um vídeo demonstrando seus pontos e parece que eles gostaram muito. Antes de julgar pelo meu texto, ou de qualquer um que vocês leem, tirem suas próprias opiniões.

por Luk

A Corrente de Reviews

Corrente de Reviews é um evento que foi criado e organizado pelo nosso parceiro Didcart do blog Anikenkai, onde um blog precisa indicar algum anime ou mangá para ser avaliado por outro blog de forma secreta (quase como um amigo secreto, só que recebemos um anime para assistir ao invés de presente). A primeira postagem desse evento começou no dia 25 de julho e hoje chegou a vez do ChuNan entrar na brincadeira com o anime Panty & Stocking indicado pela @beta_blood do Elfen Lied Brasil, que falou de Hataraki Man!

E o meu blog sorteado para indicar um mangá/anime e continuar o evento foi o Mangatom! Um blog voltado para mangás, como o nome já diz e por isso resolvi dar uma colher de chá e indicar a obra Watashitachi no Shiawase na Jikan. Ele possui apenas um volume e mesmo assim é um mangá que eu gosto bastante.

Anúncios

17 Comentários

Arquivado em Animes, Review

17 Respostas para “Corrente de Reviews – Panty & Stocking With Garterbelt

  1. lio4p

    Tag:Luk ta ficando um velho chato. LOL

    Curtir

  2. Concordo com praticamente tudo que o Luk disse.
    A melhor parte do post foi “watashitachi no shiawase na jikan” mangá over power que fala sobre pena de morte.

    Curtir

  3. Devile

    Gainax fechou? Não sabia :O Mas não foram eles que fizeram Medaka Box (e também vão fazer a segunda temporada)? (vou levar pedrada se tiver falando besteira)

    Curtir

  4. Muito interessante o review. Eu assisti e gostei, mais esperando referências e nonsense mesmo (eu amo nonsense), então eu gostei. Porém, também achei que as piadinhas escatológicas/sexuais poderiam ser amenizadas em número e/ou melhores. Pessoalmente, eu me senti sujo quando terminei de ver a série.
    Os personagens não são exatamente complexos, mas tanto Panty quanto Stocking tem uma tentativa de explorar mais o psicológico delas, quando Stocking se apaixona por um Fantasma, e no final, com Panty (que é spoiler).
    E sim, devo admitir, os monstros explodindo no final foi engraçado, mas depois cansou. (E olha que eu injeto tokusatsu na veia.)

    No mais, adorei o review. Nunca tinha ouvido uma opinião contrária a Panty and Stocking, é uma boa leitura. o/

    Curtir

  5. Camilo KUFS (Natal, RN)

    O Rafinha Bastos Gostou desse anime…

    Curtir

  6. Zigfrid

    Eu particularmente gostei do anime, mas não como um todo. Existem episodios que me agradaram muito, e outros q não gostei nem um pouco.

    Os episodios sobre vomito e coco mesmo são horriveis…

    No inicio gostava muito dos monstros tbm, e ate ri com algumas piadinhas sobre sexo, mas tudo tem limite. Essas coisas acabaram se transformando em um cliche unico da serie.

    Mesmo assim não me senti ofendido e ri varias vezes, pois gosto de humor nonsense.

    O ideal acho que seria analizar cada episodio individualmente, pois não e nem nescessario ver na ordem (exeto o final)

    Acho que esse anime foi feito pensando em vender para o exterior ou talvez como um texte para saber se o publico japones estaria disposto a aceitar series americanas.

    Curtir

  7. Otima resenha, mas mesmo assim não gostei desse anime/cartoon.

    Curtir

  8. Otome-chan

    Esse anime é ótimo!! Há paródias muito boas nele!!

    Curtir

  9. Leandro-sama

    Gostei muito dessa proposta, venho acompanhando toda essa corrente de reviews! Ainda não vi esse anime, mas pretendo.

    Curtir

  10. Rayovac

    kkkkkk aff anime bisonho, bom não custa conferir um dia… agora essa coisa de corrente de rewiews é nova… eu só leio o ChuNan então nem to muito por dentro dos outros blogs, mas a proposta é interessante hehe

    Rayovac!

    Curtir

  11. Panty Stocking é aquele anime que talvez você assista se estiver sem oque fazer em casa, não precisando começar do episódio 1 pra entender a história, porque na minha opnião elas são totalmente random (aleatórias, no caso).
    Então, se um dia passasse na tv brasileira, você não ia ligar de ver 1 ou 2 episódios num momento de tédio, mas acompanhar a série, jamais! LOL

    Curtir

  12. @Açougueiro@

    Empatamos…vi tentando achar algo interessante pelos comentarios euforicos que havia lido em alguns blogs. Desisti no meio, e como não preciso escrever um review sobre ele não pretendo continuar nunca.

    Curtir

  13. Kurama

    Eu não consegui terminar a série, Animação pode ser boa, mas a arte não me agrada, parece aqueles desenhos toscos que passam no cartoon network.

    Curtir

  14. Pingback: [Corrente de Reviews] Resenha – Watashitachi no Shiawase na Jikan « Mangatom

  15. Pornographic Totoro

    “As personagens já são definidas no primeiro episódio e não se preocupe que sua personalidade não vai mudar nada durante todo o decorrer do anime (…) Não existe crescimento na série.”

    Mas aí é que está: A INTENÇÃO foi essa.

    Panty & Stocking não se propõe a ser um trabalho complexo sobre os dramas do ser humano. Nem mesmo uma comédia ‘inteligente’ e crítica. Quem acompanhou FuriKuri e Gurren Lagann sabe que a Gainax, à tempos, vem tendo uma forte tendência ao Nonsense e Panty & Stocking é exatamente isso: Gainax Nonsensiando até o limite (com uma pitada generosa de escatalogia, concordo – o que não é essencialmente algo ruim).
    A série é linear em excesso? É entulhada de referências a cultura pop ocidental em excesso? É recheada de piadas sexuais em excesso? É excessiva em excesso?
    É, pois ela se propõe a ser exatamente isto.
    E eu vou mais longe: digo que esse excesso é proposital, uma referência aos tempos em que vivemos – um mundo super-sexualizado, aonde tudo é em excesso, nada é o suficiente – mais uma vez, os mesmo temas abordados em Furi Kuri.

    E exatamente por isso achei o Review falho em muitos pontos: Baseou-se único e exclusivamente na opinião pessoal e, talvez por isso, indicou como falha muitos aspectos intencionais da série.

    Review é opinião, concordo.
    Mas o problema em reviews que se baseiam em excesso (:p) em opiniões próprias é que estes, quase sempre, se tornam simplistas e um tanto fechados em sí, pois se limitam apenas à aqueles que partilham do mesmo gosto do autor.

    Enfim, não quero iniciar uma longa discussão aquí, ou algo do tipo.
    Encare esse comentário mais como um ‘toque’, uma crítica construtiva de alguém que acompanha regularmente o site.

    See ya, space cowboy

    Curtir

  16. lianaly

    Peguei esse anime assim do nada e vi um episodio quando estava sem mais nada pra fazer às 2h da madrugada… um dia termino .-. Humor grotesco raramente me agrada, mas em anime (fora hentai) é tão mais raro e ameno que levei im tempo pra associar as coisas no primeiro episodio.
    O melhor é a arte mesmo, jurava que a serie tinha virado fetiche pa vender quinquilharia, dariam boas capas de caderno .-.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s